Foto: Carlos Maia

Neste domingo (9), o MOC América Vôlei entrou em quadra para decidir a última vaga para as semifinais do Campeonato Mineiro. A equipe mocamericana lutou até o fim, mas foi superada pelo Olympico/Apan/Eleva por três sets diretos. As parciais da partida foram 22/25, 16/25 e 16/25.

No primeiro set, o MOC América começou bem a partida, na frente no placar durante o início do período. O adversário forçou, virou o placar e fechou em 25 a 22.

As parciais seguintes foram de queda de rendimento do Coelho, que viu o time catarinense se distanciar no marcador.

“A expectativa era completamente diferente. Chegou na última partida da fase classificatória com chance real de se classificar. Para nós, era uma decisão em casa. Contra o Blumenau, os dois praticamente iguais. Quem tivesse sucesso iria, quem perdesse sairia fora. Infelizmente, não conseguimos fazer um jogo que nos levasse à vitória”, falou o técnico americano Marcos Pacheco.

Com o placar de 25 a 16 nas etapas posteriores, o Olympico aproveitou dos erros montes-clarenses para fechar em 3 a 0 o confronto do fim de semana.

“Nosso time errou e pecou demais. Temos que melhorar em todos os fundamentos. Infelizmente, não foi para os playoffs finais do Mineiro, que era no próximo fim de semana. No outro, dia 22, começamos contra Araguari um jogo importante. Temos 14 dias para evoluir, melhorar, ajeitar as deficiências e evoluir como time. Se faz necessário, porque a Superliga é muito complicada”, finalizou.

Por Gian Marlon/Montes Claros América Vôlei 

>> Acompanhe a equipe também nas mídias sociais. Estamos no TwitterFacebookInstagram e YouTube