A nova gestão do Montes Claros Vôlei assumiu a equipe em maio de 2014, portanto foram 04 temporadas a frente da equipe, enfrentando um grande desafio na retomada do projeto na cidade, reconquistando patrocinadores, atletas, profissionais do voleibol e a própria população.

Quando analisamos o orçamento obtido para viabilização das equipes, os atletas que por aqui passaram até agora e as colocações conquistadas, ficamos muito felizes pelo rendimento e sucesso da equipe. Para quem não se lembra retornamos aos playoffs depois de 04 anos em 2014 / 2015, ficamos na quinta colocação nas temporadas 2015 / 2016 e 2016 / 2017, na última edição alcançamos a nona colocação na Superliga. No Campeonato Mineiro nos últimos 03 anos ficamos em segundo lugar na fase classificatória.

Neste período, demonstrando a nossa evolução enquanto projeto e estrutura, trouxemos os únicos amistosos preparatórios da seleção brasileira masculina para as Olimpíadas do Rio de Janeiro 2016 para a cidade de Montes Claros, além da realização inédita aqui no Brasil da realização de 02 Campeonatos Sul-Americanos de Clubes de Vôlei Masculino consecutivos, onde alcançamos a 4ª colocação em 2017 e nos sagramos medalha de bronze em 2018, o maior resultado a nível internacional do voleibol de Montes Claros.

Nestes 4 anos proporcionamos a diversos atletas a oportunidade de demonstrarem suas capacidades e se valorizarem no mercado, chegando a serem convocados para seleção brasileira. Durante essa gestão tivemos aqui pela primeira vez um campeão olímpico representando a cidade, como o oposto André Nascimento, promovemos o intercâmbio com atletas de outros países como os argentinos Cristian e Zanotti, o sérvio Celic e o cubano Mesa, além de proporcionar o retorno do maior ídolo que voleibol de Montes Claros já teve, o oposto Lorena.

Mas para que tudo isso acontecesse foi necessário muito trabalho, dedicação e envolvimento, não apenas da gestão, mas de toda a estrutura que estar por trás de um projeto que acolhe dezenas de profissionais, não são só os atletas envolvidos, mas uma série de pessoas que são empregadas diretamente e indiretamente em função do projeto; comerciantes, rede hoteleira, restaurantes, agências de viagens, lojas, bares e comercio da cidade em geral frequentados por atletas, torcedores e equipes de outras cidades e estados.

Tudo isso é gratificante para nós da gestão que somos da cadeia esportiva da cidade e do estado, mas também é sacrificante, pois são viagens incontáveis, dezenas de reuniões em busca de parceiros, montagem da equipe com um orçamento inferior as grandes equipes do país e por fim estruturar o dia a dia da equipe para treinamento, moradia, alimentação, viagens e etc.

É necessário que haja muito envolvimento de todos, não só da gestão, mas também dos patrocinadores, que aqui agradeço enormemente pela confiança depositada em nosso projeto ao longo destas temporadas. Grandes empresas da cidade, estado e Brasil foram e são parceiras do Montes Claros Vôlei, isso nos deixa muito orgulhosos.

Devido a todo o cenário econômico do país e do surgimento de novos desafios que logo estaremos divulgando, pediremos uma pausa pequena para o nosso projeto para disputa da Superliga Masculina e demais competições na temporada 2018 / 2019.

Neste caso estaremos cedendo a vaga do Montes Claros Vôlei para disputa da Superliga na próxima temporada para o Corinthians, equipe já estruturada e formada em função dos seus apoiadores, que fará seus jogos na cidade de Guarulhos/SP na Superliga Nacional.

Acreditamos que esta pausa será importante para todos nós, gestão refletindo sobre suas práticas, apoiadores e torcedores.

Poderemos refletir o quão importante é termos uma equipe de voleibol na cidade, dando visibilidade a toda nossa região, a importância de prestigiar esta equipe indo aos jogos no ginásio, cobrando sempre, mas apoiando e entendendo a capacidade do projeto. Além disso sabemos o quanto é importante para nossas crianças e jovens ter exemplos e referências esportivas tão próximas e presentes nos noticiários que nossa grande imprensa, é importante a interação nas clínicas realizadas nas escolas públicas e instituições filantrópicas da cidade e região. O Montes Claros Vôlei também é de grande valia para a economia da cidade, a movimentação provocada pela equipe durante os 10 meses de execução do projeto durante cada temporada, gerando empregos, movimentando o comércio e por fim o quão é importante ter algo que nos represente no cenário nacional e hoje até internacional de forma positiva como este projeto vem representando.

E justamente por saber da importância deste projeto para todos, este é apenas um até breve e com a certeza de que voltaremos com as baterias recarregadas para a temporada 2019 / 2020.

Um abraço.

Prof. Ms. Andrey Souza